Sobre o evento

Foto do adinkra Funtunfunefu Denkyemfunefu, que representa união, diversidade e democracia. Fonte da imagem: Adinkra.org

Logo do evento.

O “II Seminário Nacional de Políticas Afirmativas: reconhecimento, justiça e desenvolvimento” surge como um evento que pretende construir uma agenda propositiva para o futuro das políticas de ações afirmativas no Ensino Superior Brasileiro, a luta da universidade pública por uma educação comprometida com a diversidade de gênero, orientação sexual, de pessoas com deficiência, de populações indígenas e quilombolas. 


O logo do evento pertence ao Adinkras, códigos criados pelo povo acrã, ocupantes da região Ocidental da África, no que equivale os países Gana e Costa do Marfim. Cada símbolo do grupo representa um provérbio. O escolhido, aqui, nos lembra que é necessário deixar as divergências de lado e fortalecer o que nos une. Ou que é possível construir o mesmo sonho com trajetórias e pensamentos distintos, em uma ideia da diversidade como a força que promove o diálogo.  

As Políticas Afirmativas são um instrumento fundamental de reconhecimento e justiça das desigualdades históricas que ainda estão no cerne da sociedade brasileira. Por isso, o Seminário será um encontro em prol da defesa e da continuidade delas, sendo realizado no campus em São Bernardo do Campo da Universidade Federal do ABC, uma instituição que carrega em sua identidade os temas da inclusão social e das diversidades.

 

Sobre a UFABC

Foto do Bloco Delta. Fonte da imagem: Galeria da Arquitetura.

A Universidade Federal do ABC (UFABC) é uma universidade criada em 2006 que busca contribuir para o desenvolvimento social de sua região e país. Em pouco mais de uma década, ela já apresenta excelência em ensino, pesquisa e extensão, impulsionada por valores como a inovação, a interdisciplinaridade e a inclusão social. Baseada nas cidades de São Bernardo do Campo e de Santo André, a UFABC oferece um sistema de ensino fundamentado em centros que dialogam com diversas áreas do conhecimento, contribuindo para a interdisciplinaridade dos seus cursos na graduação e pós-graduação. Além de não apresentar departamentos, o seu projeto apresenta outras peculiaridades, como o regime quadrimestral. 

No tema das políticas afirmativas, é notório o compromisso da universidade em promover a inclusão social. A UFABC apresenta metade de suas vagas para cotas sociais, auxílios e bolsas socioeconômicas entre outras medidas adotadas pela Pró-Reitoria de Assuntos Comunitários e Políticas Afirmativas (ProAP) para a assistência estudantil. A criação e atuação da ProAP estão inseridas na trajetória de expansão do ensino superior gratuito federal, na qual se tem buscado a democratização do mesmo ao se promover cada vez mais o ingresso de uma parcela da população que, historicamente, esteve em situação de mais vulnerabilidade socioeconômica. Para tanto, as Políticas Afirmativas, administradas na UFABC pela ProAP, mostram-se como essenciais para garantirem a permanência estudantil e o desenvolvimento social e institucional na comunidade acadêmica da UFABC. 

Programação

25/6

Terça-feira

14:00 – 16:00 –  Reunião COPENE Sudeste (será no bloco Alpha, sala 204)

  • Coordenação: Cleber Santos Vieira – UNIFESP 

17:00 – 18:00 – Mesa de abertura  

  • Acácio Almeida Pró-Reitor da PROAP - UFABC

  • Evonir Albrecht Pró-Reitor Adjunto da PROEC UFABC

  • Beatriz Behing DCE

  • Isadora Silva Defensora Pública

  • Regimeire Maciel UFABC – NEAB

18:00 – 19:30 – Revolta de Stonewall e a Resistência LGBTI na Educação

  • Leona Wolf Professora de Sociologia do Estado de São Paulo

  • Léo Barbosa Instituto Brasileiro de Transmasculinidades

  • Neo Cunha  Professora de Artes Autônoma

  • Buba Kore Núcleo de Artistas Transexuais e Travestis

  • Mediadora: Ana Ligia Scott UFABC

19:45 – 21:30 – Mesa I - Protagonistas das Políticas Afirmativas

  • Jéssica Ferreira Coletivo Vozes

  • Victória Rossetto UFABC – Núcleo de Acessibilidade

  • Allana Matos UFABC

Quarta-feira

9:00 – 10:45 – Mesa II – As Políticas Afirmativas na Pós-graduação – permanência qualificada e novas epistemologias

  • Juarez Tadeu UNESP  

  • Amailton Azevedo PUC/SP

  • Charles Morphy Dias dos Santos UFABC

  • Najara Lima Costa Mestranda PCHS UFABC

  • Regimeire Maciel UFABC

  • Mediadora: Luciana Xavier UFABC

  • Relatoria: Luís Vinicius Belizário Mestre Ciências Humanas e Sociais UFABC

 

11:00 – 12:45 – Mesa III – políticas afirmativas: acesso e permanência
 

  • Gislene Ap. dos Santos USP

  • Frei Davi Educafro

  • Francys Mary UFSCAR

  • Mário Sérgio Vasconcelos UNESP

  • Cleber Santos – UNIFESP

  • Mediadora: Maria Palmira da Silva   Uninove

  • Relatoria: Leon Santos Secretaria Estadual da Educação SP

14:00 – 15:45 – Mesa IV – políticas afirmativas: acesso e permanência de quilombolas e indígenas 

  • Wagner Roberto do Amaral Universidade Estadual de Londrina

  • Oriel Rodrigues de Moraes Quilombo Ivaporunduva

  • Chirley Pankara Deputada Estadual indígena em São Paulo

  • Elisabete Pinto UNIFESP

  • Cristine Matias de Lima

  • Mediador: Luís Roberto de Paula UFABC

  • Relatoria: Silvane Silva Secretaria da Educação de São Paulo e William Bezerra Figueiredo Instituto Inatekié na região do ABC Paulista.


16:00 – 17:30 – Mesa V - Apresentação V Pesquisa do Perfil Socioeconômico dos Estudantes das Universidades Federais

  • UFABC – Universidade Federal do ABC 

  • UFSCAR – Universidade Federal de São Carlos 

  • UNIFESP – Universidade Federal de São Paulo


17:30 – 19:00  – Mesa VI – Palestra / Lançamento do livro Política externa como ação afirmativa: projeto e ação do governo Lula na África, 2003-2006 - Embaixadora Irene Vida Gala 

  • Embaixadora Irene Vida Gala 

  • Coordenação: Acácio Almeida UFABC

  • Participação: Flávio Thales UFBC OPEB

19:15 – 21:00 – Mesa VII - Entidades Estudantis e os desafios colocados na atual conjuntura

  • Thayna Carvalho Correnteza

  • Laurielen Lúcio Coletivo Vozes

  • Biana Pollitto Olga Benário

  • Andressa Ribeiro Rodrigues da Paz – Coletivo LGBT da UNIFESP

  • Giovanna Cavichiolli Federação nacional dos estudantes de ensino Técnico

  • Denise Barrozo de Paula Liga de corpo, gênero e sexualidade

  • Matheus Taj – Coletivo Prisma 

  • Mediadora: Expedito Nunes  UFABC

26/6

27/6

Quinta-feira

9:00 – 10:30 – Mesa VIII – Protagonistas Históricos das Políticas Afirmativas

  • Mari Medeiros Unegro

  • Regina Lúcia dos Santos MNU

  • Joselicio Júnior  Circulo Palmarino

  • Nuno Coelho APNS

  • Marco Antonio Cardoso Conen

  • Suelaine Carneiro Gèledes

  • Mediador: Rafael Pinto

 

10:30 – 12:30 – Mesa IX – Artes e reconhecimento

  • Danielle Almeida – Diaspórica

  • Dione Carlos Escola Livre de Teatro de Santo André           

  • Marcio Santos – Hip Hop

  • Ave Terrena Escola Livre de Teatro de Santo André

  • Judson Cabral Escola Livre de Teatro de Santo André

  • Mediadora: Valquiria Rosa Escola Livre de Teatro de Santo André

 

14:00 – 16:00 – Mesa X – Direitos Humanos e Políticas Afirmativas

 

  • Isis Conceição UNILAB

  • Fernando Mattos UFABC

  • José Blanes UFABC

  • Adriana Silva Fórum de Combate ao Racismo de SBC

  • Rosana Aparecida Silva Secretaria de Combate ao Racismo da CUT-SP

  • Mediador: Gilberto Lopes Teixeira Fundação Santo André

  • Relatoria: Priscilla Santos de Souza UFABC


16:30 – 18:00 Mesa XI – Políticas afirmativas na pós-permanência  

  • Dácio Roberto Matheus   Reitor da UFABC

  • Valdirene Assis Procuradora do Trabalho PRT2/SP, Coordenadora Nacional da Coordigualdade MPT

  • Ramatis Jacino UFABC

  • Ivair Augusto Alves dos Santos UnB

  • Mediadora: Ivani Francisco de Oliveira CRP

 

18:00 – 18:30 - Intervenção artística PRISMA

 

19:00 – 21:00 - Mesa de encerramento: perspectivas das políticas afirmativas

  • Edna Roland  (a confirmar)

  • Frei Davi Educafro (a confirmar)

  • Cleber Santos Vieira UNIFESP

  • Suze Piza UFABC 

  • Mediador: Acácio Almeida UFABC

 

Inscrições

Inscreva-se para participar das palestras e discussões do seminário. É um evento gratuito e aberto a todo o público. Em breve, divulgaremos os horários, os temas das mesas e os nomes dos e das palestrantes.

 
 

 Realização

 

Apoio

ABPN - Associação Brasileira de Pesquisadores(as) Negros(as) ✦ Centro Universitário Fundação Santo André ✦ Defensoria Pública do Estado de São Paulo ✦ Educafro ✦ Escola Livre de Teatro de Santo André  ✦ Fórum de Combate ao Racismo de São Bernardo do Campo ✦ Instituto Federal de São Paulo ✦ Núcleo de Estudos Africanos e Afro-Brasileiros - UFABC✦ Pontifícia Universidade Católica de SP ✦ UNESP - Universidade Estadual Júlio de Mesquita ✦ UNIFESP - Universidade Federal de São Paulo

Localização

O Campus São Bernardo do Campo da UFABC está localizado próximo ao Parque Raphael Lazurri  e ao Ginásio Poliesportivo Adib Moysés Dib (na Av. Kennedy, 1155).

 

Outro ponto de referência é o Fórum de São Bernardo do Campo (R. Vinte e Três de Maio, 107). Além disso, é possível chegar ao campus pelas Avenidas Pereira Barreto, Senador Vergueiro e Kennedy e pela Rodovia Anchieta.

Para trajetos a partir da cidade de São Paulo, confira mais dicas.

Foto do Bloco Beta no Campus São Bernardo do Campo. O evento ocorrerá neste bloco durante os três dias. Fonte da imagem: Galeria da Arquitetura.

Alameda da Universidade, s/nº - Bairro Anchieta - São Bernardo do Campo CEP: 09606-045

Dicas

Abaixo, disponibilizamos algumas sugestões de locais para a alimentação e a hospedagem próximos ao Campus São Bernardo do Campo. A organização do evento disponibiliza estas dicas de pontos de referência, porém não se responsabiliza com nenhum estabelecimento mencionado, não havendo qualquer convênio.

 

Alimentação: No próprio campus, há o Restaurante Universitário (RU), que oferece almoço e jantar ao preço de 12,43 reais para cada refeição de pessoas visitantes. O cardápio semanal e os horários de funcionamento podem ser encontrados aqui. Há outras opções de estabelecimentos que estão em ruas nas redondezas da UFABC. Através do portão do Campus na R. Arcturus, pode-se chegar a dois restaurantes rapidamente: o Pires Restaurante (R. Vinte e Três de Maio, 498) e o Supremo Restaurante e Buffet (R. Vinte e Três de Maio, 107). 

Ligeiramente mais distante, na Avenida Vergueiro, há o supermercado Carrefour, que conta com uma praça de alimentação. Além disso, é possível encontrar uma grande diversidade de restaurantes na Av. Kennedy próximos ao Golden Square Shopping (leva aproximadamente 17 minutos a pé). 

Para a hospedagem, listamos alguns hotéis que estão perto do campus:

- Hotel Dueto

Endereço: Av. Senador Vergueiro, 3679 - Rudge Ramos, São Bernardo do Campo - SP
Telefone: (11) 4173-2435

- IBIS  Budget São Bernardo do Campo

Endereço: Praça Samuel Sabatini, 230 - Centro, São Bernardo do Campo - SP.
Telefone: (11) 4380-7210

- Jardim Hotel

Endereço: Av. Antártico, 140 - Jardim do Mar, São Bernardo do Campo - SP.
Telefone: (11) 4125-6660

Pampas Palace Hotel

Endereço: Av. Barão de Mauá, 71 - Jardim Chácara Inglesa, São Bernardo do Campo - SP.
Telefone: (11) 4122-2000

 

Contato

Para entrar em contato, envie sua mensagem através do formulário abaixo ou através de nossas outras redes sociais:

  • Facebook - Black Circle
  • Preto Ícone Instagram
© 2019 - Por Seminário Nacional de Políticas Afirmativas.
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now